FILHO DO CÉU E DA TERRA

    Na antiguidade, havia um homem de uma inteligência fora do comum, pois o seu conhecimento vinha do espaço, porque ele era filho do Céu e da Terra. Quando esse homem era criança, por causa da sua inteligência superior, ele falava como um adulto, o que deixava as pessoas muito admiradas. Por causa da sua inteligência, em uma época remota, ele já sabia que a Terra era uma esfera e, além disso, ele conhecia também, o movimento de translação dos planetas.
    Esse homem era diferente das pessoas, porque ele era filho de uma mulher linda com um astronauta: enquanto a mulher dormia, na época ela era uma menina virgem, um homem muito belo, vindo do espaço, entrou em seu quarto e a possuiu. O resultado dessa relação foi um menino muito belo que, diferente dos outros meninos, cresceu em sabedoria, pois recebia conhecimento dos homens da Terra e do Céu.
    O filho do Céu e da Terra dominava todas as Ciências e, o conhecimento que ele portava era tão grande  que, ele era médico, matemático, advogado, e como ele tinha muitos discípulos, ele era professor também. Um homem à frente do seu tempo: a sua tecnologia era muito avançada até para os tempos de hoje, onde muitos de seus atos foram chamados de milagre, pois as pessoas não tinham o conhecimento que temos hoje.
    Esse homem tinha uma missão, e para completá-la, ele tinha que está no meio do povo, o que desagradava os poderosos da época. Mas esse homem, além de seus discípulos, ele tinha por perto astronautas disfarçados de pessoas do povo, na qual, faziam a sua segurança. A sua missão era revogar uma lei e resgatar o amor ao próximo que, por causa dessa lei, na qual dizia que tinha que ser olho por olho, dente por dente, o amor ficou esquecido.
    Na verdade, esse homem cresceu a acreditar que era filho de um Deus. Esse pensamento lhe dava força para cumprir a sua missão, mas uma coisa lhe perturbava: a maneira que ele iria morrer. Era um mal necessário, pois ele iria salvar o mundo, e ser o salvador do mundo não era tarefa fácil. Para que isso acontecesse, ele teria que morrer e ressuscitar.
    Finalmente, esse dia chegou, e o homem que passou a sua vida a ajudar o próximo foi torturado, humilhado e morto pregado em um tronco que ele mesmo teve que carregar até o local onde ocorreu a sua morte. Depois que ele morreu, os astronautas entraram em ação: ocultaram o corpo do homem; espalharam a notícia de que ele teria ressuscitado; e, colocaram outra pessoa para dizer que ele tinha ressuscitado.
    O que os astronautas fizeram com o corpo daquele homem, ninguém sabe, mas o que sabemos, é que ele cumpriu a sua missão: resgatou o amor.
    Eu sei que todos querem saber o nome desse homem, é muito fácil, pois o nome desse homem é o nome de todos aqueles que pregam  o amor.

Comentários