quinta-feira, 26 de setembro de 2013

O Mundo Sem Matemática

       Era uma vez um menino chamado Pedro, mas era mais conhecido como Pedrinho. Pedrinho tinha 15 anos de idade, todavia estava atrasado nos estudos, pois, ainda estava no 7º ano. Esse atraso, segundo ele era por causa da matemática, que não entrava na sua cabeça de jeito nenhum, e por isso o menino Pedrinho odiava essa disciplina. Para Pedrinho o mundo seria muito melhor se não existisse a matemática. Então, certo dia, Pedrinho caminhava por uma estrada em direção a sua casa, quando ele tropeça em uma pedra e cai, mas ao se levantar ele percebe algo muito estranho: as casas  desapareceram; as pessoas pareciam homens da caverna; e também, não existiam carros, nem asfaltos.
       Então Pedrinho percebeu que estava na idade da pedra. Como ele foi parar lá, ele não sabe. Sozinho naquele fim de mundo, sem saber onde era a sua casa, Pedrinho começa a chorar. De repente aparece um homem com um terno branco que disse para ele onde ele estava: Pedrinho estava em um mundo sem a matemática.
      
 
 

Um comentário:

Ressonância Harmônica.